Estudo sobre lubrificação em rolamentos e desenvolvimento de um tribômetro método reichert

Autores

  • Alan Mendes de Souza
  • Fabrício Ap. Ferraz da Silva
  • Felipe Amade de Souza
  • Carlos Humberto Sartori
  • Carlos Alberto de Freitas
  • Antonio Carlos Arruda

DOI:

https://doi.org/10.22567/rep.v7i1.498

Palavras-chave:

Lubrificação, desgaste, atrito, rolamento, energia.

Resumo

O estudo se destina a abordagem das possíveis falhas em elementos de máquinas (rolamentos) fabricados em AISI 52100 e seus principais mecanismos de desgaste sendo adesão, abrasão, corrosão e fadiga. Serão apresentados os principais tipos de lubrificantes, dando ênfase nos óleos e graxas quanto a suas características físico-químicas e seus principais aditivos. Para viabilidade do estudo foi desenvolvido um dispositivo que realizou ensaios em um mesmo lubrificante de viscosidade 15W4-50 com períodos de utilização distintos sendo estes 1000, 2000 e 3000 km, desta forma foi possível medir o rompimento da película de lubrificação em função da pressão  exercida  pelo  dispositivo  e  sendo  assim  exemplificar  de  maneira  efetiva  os  efeitos danosos aos elementos de máquinas em função da má gestão da lubrificação.

Downloads

Publicado

2018-01-28

Como Citar

Mendes de Souza, A., Ap. Ferraz da Silva, F., Amade de Souza, F., Humberto Sartori, C., Alberto de Freitas, C., & Carlos Arruda, A. (2018). Estudo sobre lubrificação em rolamentos e desenvolvimento de um tribômetro método reichert. REVISTA ENIAC PESQUISA, 7(1), 82–96. https://doi.org/10.22567/rep.v7i1.498

Edição

Seção

Artigos