Impacto Ambiental provocado pela destinação incorreta de pneus

Autores

  • Vitória Emanuella da Silva Alves
  • Guilherme Malta Vasconcelos
  • Rafael Nascimento Moreira
  • Moacir Jesus Alves Filho
  • Thassiane Silva Barreto

DOI:

https://doi.org/10.22567/rep.v4i2.277

Palavras-chave:

Pneumáticos. Má destinação. Problemas Ambientais.

Resumo

Pneus são resíduos que necessitam de tratamento especial, pois, quando enterrados inteiros, sua forma facilita o acúmulo de gases provenientes da decomposição dos demais resíduos e em caso de afloração à superfície proporciona abrigo para doenças. Deste modo, este trabalho objetivou informar sobre os impactos ambientais provocados pela destinação incorreta de pneus inservíveis também como algumas técnicas de reaproveitamento e reciclagem dos mesmos. Optou-se pela pesquisa bibliográfica, utilizando bancos de dados SCIELO, GOOGLE ACADÊMICO, PERIODICOS CAPES, resoluções do MMA, da ANIP e instruções normativas do IBAMA. O material consultado compreende o espaço temporal de 1992 até 2015, com os seguintes descritores: resíduos industriais; legislações dos pneumáticos; impactos ambientais ocasionados pela disposição final inadequada de pneus e alternativas tecnológicas de pneus servíveis e inservíveis, pois, a destinação inadequada dos pneumáticos inservíveis pode ocasionar impactos negativos como enchentes, por diminuir a capacidade de escoamento de corpos hídricos e bueiros. Em contrapartida, após o uso, o pneu pode passar por processos de reforma e ser reutilizado, mas ao desgastar-se completamente é caracterizado como pneu inservível e a destinação correta são as possíveis maneiras de reciclagem. Assim, é muito importante o cumprimento das legislações que tratam da destinação correta dos pneumáticos.

Downloads

Publicado

2015-11-26

Como Citar

Alves, V. E. da S., Vasconcelos, G. M., Moreira, R. N., Filho, M. J. A., & Barreto, T. S. (2015). Impacto Ambiental provocado pela destinação incorreta de pneus. REVISTA ENIAC PESQUISA, 4(2), 162–175. https://doi.org/10.22567/rep.v4i2.277

Edição

Seção

Artigos