ARQUITETURA AFRO-BRASILEIRA: ANÁLISE DA CULTURA PARA A ARQUITETURA NAS IGREJAS NOSSA SENHORA DO ROSÁRIO DOS HOMENS PRETOS (SALVADOR-BA, OURO PRETO-MG)

Autores

  • Cristina Silveira Melo Centro Universitário ENIAC
  • Aline Santos Campos Centro Universitário ENIAC
  • Aline Santos Campos Centro Universitário ENIAC
  • Elizama Amaral Centro Universitário ENIAC
  • Elizama Amaral Centro Universitário ENIAC

Resumo

Este artigo tem como objetivo abordar a religiosidade afro-brasileira, construção e arquitetura, especificamente a irmandade Nossa Senhora do Rosário dos Homens Pretos de duaslocalidades diferentes, Salvador, na Bahia e Ouro Preto, Minas Gerais, tendo em vista que as duas tem origem em meados do século XVIII e valem-se dos modelos arquitetônicos vigentes durante o Ciclo doOuro no Brasil. Seus desenvolvimentos foram diferentes em cada local e sustentam os aspectos sociais prevalecentes em cada região, com destaque para a diferenciação étnica do que ainda é a realidade brasileira do período, a escravidão.

Biografia do Autor

Cristina Silveira Melo, Centro Universitário ENIAC

Arquitetura e urbanismo - Escola de Construção - ENIAC

Aline Santos Campos, Centro Universitário ENIAC

Estudante de Arquitetura e Urbanismo da Escola de Construção do Centro Universitário ENIAC

Aline Santos Campos, Centro Universitário ENIAC

Estudante de Arquitetura e Urbanismo da Escola de Construção do Centro Universitário ENIAC

Elizama Amaral, Centro Universitário ENIAC

Estudante de Arquitetura e Urbanismo da Escola de Construção do Centro Universitário ENIAC

Elizama Amaral, Centro Universitário ENIAC

Estudante de Arquitetura e Urbanismo da Escola de Construção do Centro Universitário ENIAC

Downloads

Publicado

2020-10-07