REDUÇÃO DE CONSUMO DE COMBUSTÍVEL CONVENCIONAL PELA ADIÇÃO DE GÁS HIDROGÊNIO

Caio Henrique Barbosa, José Humberto Machado Tambor

Resumo


O combustível fóssil como a gasolina apresenta um consumo razoável dentro das opções comerciais disponíveis no mercado. O custo por litro deste combustível é elevado em relação a outros países e a diferença aumenta se relacionarmos o salário mínimo nesta comparação. O presente trabalho mostra como a injeção de gás hidrogênio, juntamente com a gasolina, auxilia na redução de consumo, além de reduzir emissões de gases de efeito estufa. Para a geração de gás, foi criada uma célula de hidrogênio, com controle da corrente elétrica gerada por meio de um circuito PWM. Um automóvel da marca Renault, modelo Sandero 1.0 com 16 válvulas e 77 cavalos foi utilizado para os testes com e sem a injeção de gás hidrogênio. Os testes foram realizados em um percurso misto de estrada e cidade. Foram analisados o fator lambda, consumo e torque e o mais relevante foi a redução de consumo que atingiu 53%. O sistema atingiu a economia esperada sem apresentar qualquer dano ao veículo.


Texto completo:

PDF

Apontamentos

  • Não há apontamentos.